sábado, 11 de outubro de 2014

DUBROVNKI (CROÁCIA): EU QUERIA TER UM TRONO AQUI!

DUBROVNKI - A PÉROLA DO ADRIÁTICO OU KING'S LANDING (para os íntimos!)


Se já veio aqui há muito tempo, está na hora de voltar.

Se vc ainda não ouviu falar, garanto que é questão de tempo.
Se já ouviu falar, vou logo adiantando que é TUDO VERDADE!!


Se acompanha a série da HBO “Game of Thrones”, certamente vc já viu alguns lindos cenários da cidade, mas talvez não tenha se dado conta que boa parte das cenas externas de “King’s Landing” são gravadas ali.


Então, meus amigos, espero que eu ajude a convencê-los que incluir a cidade de Dubrovnki no próximo roteiro de viagem pela Europa será quase uma obrigação.


Por que? Como assim? Fiquei maluco? Talvez..... ;-)

Strada
Mas, reflitam um pouco comigo!
Vcs já imaginaram uma cidade com ares verdadeiramente medievais, mas com a elegância e o charme de Paris ou Praga?


E uma cidade rodeada por torres (aquelas de tabuleiros de xadrez) e cercada por uma bela e longa muralha, que resistiu ao tempo e a várias guerras, onde vc passeia como se sentisse responsável em defender toda aquela beleza intra muros?

Descida do hotel - vista chata...kkk
Deu para ter uma ideia?

Fun at night
Ainda não? Tá bem!!

Então, coloca essa cidade na beira de um mar Adriático com águas cristalinas, com barquinhos entrando e saindo...lembrando as ilhas gregas!!


E para completar, encha essa cidade de igrejinhas e museus, de um labirinto de ruelas no estilo de Veneza, de praças charmosas, restaurantes e barezinhos transados, sorveterias (ah...os turistas e os sorvetes!!), lojinhas charmosas de souvenirs e um chão branco de pedra sabão/mármore que reflete o azul do céu...é poético mesmo, pode acreditar!!!

Fonte Onofrio
Acrescente, por fim, um clima super agradável, com uma brisa permanente que ameniza o calor inclemente, e um alto astral de dar inveja, mesmo quando a cidade está apinhada de turistas...


Melhorou?! Aposto que sim!!! ;-)


Notaram as referências com outras cidades europeias marcantes? Paris, Praga, Veneza... e até ilhas gregas?


Não é exagero!! Dubrovnki é muito legal! A Croácia é muito legal!


E o melhor, se vc planejar bem a sua viagem, a cidade serve ainda de um ponto de início ou fim de passeio pelo belo país que é a Croácia, com seu povo simpático, alegre e bem receptivo aos turistas.


Infelizmente, por falta de tempo ou talvez pela própria desconfiança de que havia super valorização nos comentários, fiquei só com a cidade de Dubrovnki e o belo litoral que leva à Split. Entretanto, já estou decidido que voltarei numa outra oportunidade de férias para conhecer outras cidades deste belo país.

 
Vai por mim! Vale muito conferir! Veja pelas fotos e tire suas próprias conclusões.

ONDE FICAR


Dubrovnki, como toda cidade que vem ganhando rapidamente fama internacional, está cada vez mais cara para se hospedar. O rango não é caro, mas dormir pode ser.


Existem hotéis dentro de Old Town. Obviamente, eles são bem caros, glamorosos, mas  sem muita infra, pois não há muito espaço livre.

Pile Gate

Pessoalmente, acho bobagem pagar mais para ficar em Old Town.
Existem vários hotéis e casas (airbnb, tripadvisor e mesmo booking etc.) bem perto da parte de fora das muralhas (walking distance) que são bem mais baratas e contam ainda com mais espaço e infra.
Optei por casa alugada (old town view apartments) pelo booking e não me arrependi.


Local impecável, visual incrível e na “boca do gol” (chegava andando em Old Town em 5 min), sem pagar os olhos da cara. Melhor impossível!!!


Ainda contava com estacionamento que era importante para mim já que seguiria viagem dali de carro para Split. Claro que tinha que enfrentar uma escadaria para chegar à Old Town, mas era até bom para aumentar a capacidade aeróbica...kkkk


Li outros relatos em blogs de pessoas que optaram ficar ainda mais longe, perto de Lapad ou do porto novo. Vantagem: ainda mais barato. Desvantagem: necessidade de fazer um “commuting” frequente de busum para Old Town, em situações nem sempre confortáveis (ônibus lotados de turistas, filas e no calor).

DESCOLAMENTOS E COMO CHEGAR


Chegamos de avião, vindo de Frankfurt. Mas, o pequeno aeroporto de Dubrovnki recebe vôos de todas a principais cidades europeias. O aeroporto fica a cerca de 30 min da cidade e não existem muitas opções baratas de transporte até Old Town. Resumo: reserve seu transfer com seu hotel ou prepare para cacifar um táxi que não ficará menos de 30 euros por corrida.


Na cidade, os principais deslocamentos são a pé. De busum, só para quem for ficar afastado de Old Town. O busum é barato (1,5 euro) mas com os inconvenientes mencionados acima.

futebol - paixão nacional
Tem ainda uma galera que chega de cruzeiro no porto novo. Não posso falar muito sobre isso, porque não tive a experiência. Viajar de cruzeiro sempre tem seus pros e cons. Mas, em termos de deslocamento, esse pessoal também fica dependendo do busum para ir para Old Town. Está sacando como lota o busum?

feirinha

O QUE FAZER


Meu conselho para aproveitar bem a cidade é tentar sempre começar pela cereja do bolo.
Suba as muralhas de “Old Town” bem cedo pela manhã ou no fim da tarde para evitar a horda de turistas e para não ser tão castigado pelo sol.


Optamos por ir bem cedo e não nos arrependemos!


O percurso é de cerca de 2km de muralhas, fácil de ser percorrido e rende dezenas de fotos inesquecíveis de cinema. Vc pode entrar no percurso em vários pontos. Escolhi o Pile Gate por estar mais perto de onde estava hospedado.  Outros sobem pelo Ploce Gate. Veja o mapa abaixo.


Independente do ponto de entrada, o fato é que a caminhada nas muralhas serve para dar uma visão geral, de topo, da velha cidade (Old Town), onde grande parte das atrações turísticas se concentram.


Terminado o passeio, SE PERCA dentro da cidade!


Entre e saia das lojinhas, de preferência tomando um sorvete.  Ah...os turistas e a eterna paixão pelos sorvetes...kkk


Visite as igrejas e as praças.


Destaques: 
Catedral de S. Brás (1706), uma igreja Barroca com um impressionante tesouro; Forte Lovrijenac; a terceira mais antiga farmácia do mundo (1317); Portão de Pile (1537), a entrada para a cidade antiga; Portão de Ploce; Torre Minceta (1319); Fonte de Onofrio (século XV); Igreja dos Franciscanos; Convento de Santa Clara (século XIII); Coluna de Roldan; Palazio Sponza (1516), um exemplo de arquitectura Renascentista; torre do Relógio, com mais de 30 metros de altura.


Sente nos degraus das escadas da igreja e faça um bom e divertido “people watching”.


“Taca-lhe o pau” na sua máquina fotográfica e tente eternizar os diversos cenários que farão os seus olhos ficarem deslumbrados.


Passeie de bobeira nas feirinhas típicas, com seus simpáticos vendedores croatas. Vc se sentirá na Idade Média, fazendo escambo....kkk


E quando você se cansar, escolha um ou dois bares para fazer seu pit stop estratégico, de preferência degustando frutos do mar, uma boa massa ou uma pizza, regados por cerveja croata ou um vinho.

Dicas de Restaurante: Mea Culpa (bom, bonito e barato para massas, pizzas e saladas) e Lokanda Peskarija (para frutos do mar)


No dia seguinte ou no mesmo dia no fim de tarde, não deixe de subir o bondinho (teleférico) e curtir o visual de cima da cidade, tentando imaginar como ela resistiu a tantas tentativas de invasões e bombardeios ao longo dos tempos.


Se tiver mais dias, use a cidade para seu ponto de partida para um cruzeiro de barco pelas ilhas próximas. Existe um número grande de opções de passeios: com ou sem rango incluído, com ou sem barco pirata (tipo galeão espanhol), lancha rápida ou não; uma ou várias ilhas, com ou sem pernoite, passeio de poucas horas ou de dia inteiro etc. Aqui, caberá a vc analisar o seu tempo disponível e avaliar se vale a pena encaixar no seu roteiro.

Kolocep
Minha opinião? Se vc vai seguir viagem pela Croácia explorando outras ilhas de baladeiros (Hvar, Bol, Korcula etc.), talvez não valha a pena fazer “cruising” a partir de Dubrovnik, pois vc já vai curtir uma prainha nessas ilhas anyway.

Sipan

Mas, se sua viagem não incluir esses outros passeios, vale muito a pena pelo menos conhecer uma ilha para entrar no climão da “Pérola do Adriático”.


Optei pelo passeio pelas Ilhas Elafiti que são três: Kolocep, Sipan e Lopud. Os “stops” nas ilhas não são longos, mas o passeio é bem relaxante.

Sipan

Comparadas com as praias Caribenhas ou mesmo gregas, as praias croatas em si não são nada demais...mas a água...ah, a água...!!!! Simplesmente cristalina!!!

Sipan

A grande maioria das praias tem muitas pedras que dificultam o deleite na beira-mar. Alguns loucos chegam a ficar em precipícios para curtirem uma “prainha” ou usam escadinhas de piscina estrategicamente colocadas sobre as rochas para facilitar o acesso à agua. Chega a ser engraçado, mas faz sentido.

Lopud
Ou seja, leve sua sunga/biquíni mas não espere dar “tchibum” em todas elas....escolha o momento certo!

Sunji beach
Pensando bem, essa decisão vai depender do calor, do seu nível alcóolico e, acima de tudo, de sua vontade de mergulhar nas águas cristalinas do Adriático, é claro.... ;-)

Sunji Beach - com direito a nudismo
Para não dizer que são só de pedras,  nas cercanias de Dubrovnki, a ilha de Lopud tem uma praia (Sunji beach) com areia mais fina (não branca!!) que ainda conta com uma área de nudismo meio fora do hot set das baladas... (WTF??!! Vai entender?)

Lopud
Outra opção de passeio de barco é até uma ilha bem próxima da cidade: Lokrum. Mais deserta e não menos relaxante. É para saltar do barco, alugar uma bike e rodar a ilha, parando num ponto de mergulho.


Se vc optar pelo passeio marítimo e der sorte de pegar uma “crew” e uns tripulantes legais, ainda será mais divertido.  Ah... vale dizer que o passeio não é caro! Custa cerca de 40 euros, incluindo o rango. E as paisagens dizem se valem ou não a pena! Tire sua própria conclusão....


Dubrovnki também tem umas praias urbanas que ficam bem movimentadas. A principal, Banje, fica bem perto de Old Town. É o mesmo esquema já comentado. Beira-mar de pedras, águas cristalinas e com infra de cadeiras/barracas pagas no esquema de clube de praia.


Vou agregar aqui nas coisas para fazer um passeio de carro pelo litoral da Croácia. A vista é simplesmente ESPETACULAR. Para onde vc olhar, vê paisagens belíssimas.

Brela
Uma espécie de mistura perfeita da Highway 1 (California) com a Av. Niemeyer (Rio de Janeiro).  Got the Picture?


Nesse contexto, fui de carro de Dubrovnki até Split, passando pela fronteira da Bósnia. Infelizmente, sequer carimbaram meu passaporte na Bósnia. O guardinha da fronteira só deu um sorriso maroto quando viu que eu era do Brasil, arriscou um português e felizmente não falou de futebol e do nosso fiasco na Copa.....kkkk.


As estradas são impecáveis, bem sinalizadas e vc pode/deve parar no caminho, escolhendo belas praias para fazer um pitstop para fotos, café, sorvete ou simplesmente admirar a paisagem. Sem parar, daria cerca de 4 horas.


Fiz uma parada na praia de Brela para jamais esquecer.


Parecia Monte Carlo, só que bem mais tranquila e sem aquela ostentação típica de Mônaco.

A CEREJA DO BOLO

A cereja do bolo ocorre quando você está passeando desavisado pela cidade, tomando aquele sorvete e se depara com uma grande equipe de Hollywood filmando cenas para temporada de sua série de TV favorita (“Game of Thrones”).

Tá bom!!! Tá bom!! Já tinha lido que haviam filmado outras temporadas aqui. Mas quais são as chances de vc estar no momento certo, no local certo durante sua viagem de turismo??!!!???

Não sou do estilo que aprecia qualquer tipo de tietagem, pois, acima de tudo, respeito a privacidade do momento de trabalho dos atores/atrizes, mas confesso que ao me deparar diante de tanta sorte, não resisti em entrar no clima dos paparazzi e tentar dar um “furo” de filmagem.


Quem sabe não encontrava alguém da família Lannister? Só a Cersei já bastava....rsrsrrsrs.  Infelizmente, não encontrei nenhum ator famoso e fui barrado pelos seguranças do set de filmagem algumas vezes, mas só ver “ao vivo” os figurantes sendo devidamente preparados e fantasiados para as cenas já foi muito gratificante.

O pior é que depois li na Internet que a Cersei iria filmar nesse dia cenas de topless e estava um stress danado para isolar o local. Entendi um pouco porque os seguranças estavam loucos com os turistas...E eu achando que era um bom paparazzi porque consegui fotos dos figurantes....rrsrsrsrs. A Cersei não sabe a repercussão que ela perdeu se esse furo vazasse para os fãs brazucas. ;-)


É isso aí pessoal! Abaixo, mais algumas fotos para vcs se animarem! Abc e até a próxima!







 






Ploce Gate
























2 comentários:

  1. Olá adorei seus comentários. gostaria de saber quando vc foi qu mês ?
    e em Split o que vc fez ? foi para Hvar ? como é o nome do hotel que vc ficou ?
    obrigado
    José

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá José. Fomos em outubro, porque, depois da Croácia esticamos a viagem até Munique (Oktoberfest) e depois fizemos a rota romântica na Alemanha.
      Em Split, ficamos um dia só....não tem muito do que fazer, além das atrações do Centro.
      Não fomos à Hvar, pois lemos que era algo mais para garotada (muitas baladas) e já passamos um pouco dessa fase, mas fomos às ilhas do post que são bem bonitas.
      Ficamos num hotel que era mais um apartamento, estilo B&B (preferimos assim), chamava-se Old Town View Apartments.
      http://www.booking.com/hotel/hr/flat-dubrovnik.en-gb.html?aid=304142;label=postbooking_confemail;sid=ebef22f23d625aaa703e18f5f66c9b8c;dcid=1;dist=0&sb_price_type=total&type=total&

      Boa viagem

      Excluir

Obrigado pelo seu comentário!