domingo, 10 de março de 2013

Antártica - a fronteira final!!!

ANTÁRTICA - A FRONTEIRA FINAL


Não...não é "star trek"...mas bem que poderia ser.

O Continente Antártico merece ser tratado como algo de ficção científica, tal a beleza e a realidade tão distante da nossa. Daí a ideia do título...rsrs

Vou logo adiantando que este post, infelizmente, "trai" um pouco a filosofia desse blog e não traz muitas dicas "descontraídas" de viagem.

Orgulho de ser brasileiro!
Percebeu o que o pessoal da Estação passa no inverno???


Então, cabe aqui um esclarecimento. Por que resolvi escrever sobre essa viagem à Antártica logo agora, contrariando a filosofia do blog?
Simples. Porque o momento é muito especial.


Ary - imponente e soberano  - sem ele, a Estação não sobrevive!
Acredito que todos (brasileiros) devam saber o que ocorreu com a Estação Antártica Comandante Ferraz (EACF) há pouco mais de um ano. Por motivos que não tenho intenção de discutir (existe um inquérito correndo na justiça militar para isso), a nossa valente estação se transformou em cinzas da noite para o dia.

Mas, reconhecendo o valor científico e  estratégico da nossa Estação, o governo federal resolveu, junto à Marinha, reconstruí-la.  Felizmente, o trabalho já começou e está a todo vapor!! Dentro em muito breve, a nossa brava Estação estará novamente apta a abrigar os pesquisadores brasileiros.

Paisagens geladas
Equipes da Marinha (grandes amigos) e de  empresas parceiras encontram-se na Antártica, nesse exato momento que escrevo, construindo uma nova Estação praticamente do zero, com novos módulos, melhores condições de habitabilidade, novas redes de comunicações e energia, novos laboratórios de pesquisa, centro médico, restabelecendo as condições de conforto, a estrutura de segurança orgânica etc. Enfim, tudo que é necessário para termos as condições ideais que permitam a retomada do trabalho de nossos pesquisadores e cientistas que conduzem, naquele pedaço do Continente Antártico, trabalhos de suma relevância para o nosso país e para a ciência, em geral.

Iceberg

É ou não é especial?


Orgulho de ser brasileiro
Estou falando do PROANTAR - Programa Antártico Brasileiro - que reúne trabalhos em vários campos acadêmicos e científicos. No âmbito climático, por exemplo, os trabalhos nos ajudam a entender o buraco na camada de ozônio, o aquecimento global... Há outros trabalhos, não menos importantes, relacionados à biologia marinha, ao comportamento das aves da região, à botânica e à fauna marinha que sobrevivem ao gelo e ao frio intenso, pesquisas relacionadas às correntes marinhas etc. Em suma, pesquisas avançadas que dão orgulho a cidadãos, como eu e vc, que pagam impostos e gostam de ver o dinheiro público bem aplicado.

Este post é portanto especial, pois ele deve ser encarado como um relato de uma viagem muito, muito especial que traduz uma mensagem de orgulho de pessoas que fizeram parte, por um breve momento (1 mês!), de um projeto tão importante para o nosso país. 

Qual era a missão?


Mãos a obra...já trabalhou no frio, amigo?? Cruel, muito cruel!! Ainda mais qdo não escurece à noite e perde-se a noção do tempo!
No fim de 2005, fui "abençoado" com uma atividade de trabalho pela Marinha do Brasil, daquelas que marcam a carreira profissional e a vida. Se a finalidade e o local não fossem tão especiais e ricos em peculiaridades, seria uma atividade rotineira de trabalho, como outra que já estava bem acostumado: coordenar a implantação de sistemas de TI e redes de comunicações (dados, voz, TV etc.).

Contemplação durante a escalada
Mas, trabalhar num local de frio extremo, onde não há espaço para erros, onde o tempo é curto, onde não dá para ir na esquina comprar algo que vc tenha esquecido de levar...tudo isso tende a tornar as coisas bem mais complicadas. Acreditem!!!

E as pesquisas não podem parar!!
Como até então a Estação praticamente só contava com comunicações (pouco confiáveis) via rádio em HF e errática telefonia Inmarsat (caríssima!!), o desafio era colocá-la no primeiro mundo, ou seja, torná-la parte da rede de alta velocidade de dados/voz da Marinha, além de conectá-la à Internet, à rede pública de telefonia (fixo e celular), ao sistema internacional de TV broadcast e aos navios que davam apoio à Estação e que fundeavam nas proximidades.

Parece papel....belo e singelo!
Um grande desafio técnico e logístico que contou com um minucioso planejamento, uma execução precisa ("zero erro") mas, acima de tudo, com uma equipe competente de profissionais (da Marinha e da empresa conveniada - OI/Telemar/Alcatel) que se tornaram grandes amigos ao fim da missão.

Vai chegando o inverno e lá vem a noite!
E por falar em missão, não custa mencionar que sempre vale aquela máxima do Capitão Nascimento: "missão dada é missão cumprida, parceiro...rsrsr"!!!

Saímos de lá com tudo "UP and RUNNING". Transformamos a Estação num hotspot high-tech conectado ao mundo, com tudo que tem direito: telefonia VoIP, dados/Internet via satélite, videoconferência em HD, além de TV Internacional para ver os gols do Mengão....rsrsr...quer melhor??!!

Sono?
Mas não quero deixar vc de água na boca não!!!

Mesmo sem ser militar ou pesquisador, vc pode e DEVE conhecer a Antártica.

Então, se vc quiser dicas turísticas de como montar uma viagem para conhecer uma parte do continente Antártico, siga esse link e vá em frente:

caderno boa viagem do "O Globo" - Antártica

Mas, se vc quiser embarcar virtualmente numa aventura, continue lendo/vendo esse post.

Vou contar a história por meio das inúmeras fotos...vem comigo!!!

Aliás, obrigado aos amigos que cederam várias das fotos deste post!!!





C-130 Hércules - avião de carga da nossa brava FAB que apoia as missões na Antártica



Não é um Antonov, mas cabe muita coisa nesse "bichão"...lembre-se que não há comércio na Antártica...rsrs

H-44 Ary Rongel - seus paióis vão abarrotados de gêneros de todos os tipos e na volta trazem o lixo da EACF


Parte da "tropa de elite"  em Punta Arenas (cidade de onde parte o vôo para a base chilena de Frei na Antártica)
Da esq para dir: Renato Botelho (Telemar), Paulo Ramadas (Alcatel), eu (MB) e Pedro Américo (Alcatel)
principais idealizadores e técnicos do projeto
Tripulação do vôo do Hércules - muitos são do grupo de apoio e sequer desembarcam na EACF


Tá perdido em Punta Arenas? Siga a seta e se ache!! rsrs
Porto de Punta Arenas. Venta muito!!! E frio, muito frio!

Punta Arenas é uma cidade sem muitos atrativos. No máximo, vale a pena experimentar a iguaria local: CENTOYA (caranguejos gigantes do Chile).

Foto de parte do "time" - ainda no hotel em Punta Arenas

Preparando para o frio...e para as longas e pouco confortáveis horas de vôo no Hércules. Não espere serviço de bordo e controle sua "autonomia" para evitar o banheiro químico...rsrs

Loading!!

Eu e amigo (Santana) da Marinha na chegada à Base Chilena de Frei - pitstop necessário antes de ir para a Estação da MB

Parece a lua, mas não é...a Antártica é um grande deserto gelado sobre rochas

Esqueci de dizer que esta pista(??!!) que vc vê aí atrás de mim é onde o Hércules pousa...aos trancos e solavancos!!
Isso qdo não arremete na aproximação, por causa do mal tempo!!! Adrenalina nas alturas ou no gelo, nesse caso..rsrs!!!

Parte da equipe vai de Frei para a EACF de navio. Outra parte ( menor) vai de chopter. Dei sorte!! Visual inesquecível do continente gelado!!
Precisa falar alguma coisa?

Ilhas vulcânicas no continente gelado
Glaciares

Chegando na EACF - Um ponto no meio do "nada"

Touchdown EACF


A recepção pelo Grupo Base (GB) - pessoal da MB que passa um ano na EACF mantendo-a e preparando-a para a chegada dos pesquisadores durante o verão Antártico (dezembro a março)
Pétala da antena sendo içada
Botando a mão na massa...literalmente!!

Um dos "clímax" do trabalho: a incerteza se seríamos capazes de capturar o sinal de "beacon" do satélite foi embora neste exato momento de puro "êxtase" tecnológico. Um esclarecimento técnico: qto maior é a latitude ( a da EACF é perto de 62 graus Sul), mais difícil é o desafio de "vencer" os obstáculos naturais (as montanhas que cercam a Estação) e apontar esse sinal para satélites posicionados em órbitas geoestacioárias.
SG Robson, Riberinho e Paulo Ramadas caprichando no "apronto" do sinal de TV

Grande amigo da MB, Freitas, apoiando integralmente o projeto

Na hora do faxina, todos participam.  Congraçamento total!


Ó eu aí...caprichando na limpeza!!


O camarote - dentro de um container. Conforto na medida certa!






O local das refeições e do bate-papo noturno.
Parte da cozinha
Equipe trabalhando na documentação do projeto - destaque para Ribeirinho e Valdemar, "O urso roncador".
Mapa mostrando onde fica a Estação - Baía do Almirantado, na Ilha Rei George
Pesquisa no mar gelado
dia sombrio e gelado
saída de bote - roupa especial "sapão"

Faina pesada e molhada
Se não entrar na água quase congelada, o bote não sai!!





time unido
Missão no mar
Com a roupa, aguenta-se 2 minutos antes de congelar!












On the rocks

O gelo serve para gelar outras coisas tb...rsrsr
Osso de baleia - cemitério natural
Guardando para levar de souvenir...
Estação polonesa - Artowski - sem casaco só para foto...brrrrr
Aconchego da Estação Polonesa


Polska Family






Lost?
maquinário pesado dos nossos amigos poloneses
Não vale a pena acordar os leões marinhos...certo?
Não parece uma imagem de um planeta distante...??



Baleias???
Pinguins...muitos pinguins....cheirinho de peixe violento!!!
No navio Ary Rongel - braço logístico da Estação - entre amigos, mesmo sendo tricolores...rsrs
Passadiço do Ary
Tombadilho no Ary
Refeitório no Ary

Praça D'Armas - confraternização

Vista do alto do morro da Cruz - escalada
Contemplação durante a escalada
Up Hill


"Escalar" na neve e pedra não é fácil











Conquista do pico do morro da Cruz

O continente Antártico ao nossos pés - dia de ano novo!!

Olhem a Estação down hill...looonge!!

Bem alto!

Felizmente, tudo que sobe, desce!!
Outra subida - Pico Norte - mais íngreme que o Morro da Cruz - o suor e as temperaturas negativas dizem alguma coisa??!

Feliz por ter conquistado mais esse pico!!

Enjoying the moment!!

paisagem inesquecível



"prêmio", a título de brincadeira, deixado pelo nosso alpinista para quem conquistar o pico...rsrsr...make sense?

Assinando no livro de visitas ao cume do morro
Paisagem de filme sci-fi


Não é Marte....é a Antártica!!

Farra na neve

Equipe celebrando a conquista!!


New Year's Eve
Happy New Year 2005-2006


Warming up for new year's celebration

Meia-Noite...ué, mas ainda está dia??!! Coisas do verão antártico!!!

Momento de maior escuridão durante o verão!!
Celebrating

Malucos?? Banho de ano novo!!




Oficialidade!!! 

Lazer pós trabalho: explorar as montanhas!

Bela visão do Ary em plena Baía

"Picnic" literalmente  no gelo!!

Esforço grande ....mas o visual compensa e o escorrega natural na descida era de maior qualidade!!!
Fenômeno das duas luas??!!



Já andou numa "criança" dessas? Meio rápido e necessário de locomoção. 

Lago da Baía congelou....dá para imaginar  a temperatura ambiente?


On the roof...fechando conexão wifi com o Ary e com os módulos


Orgulho!!!
Nossa querida lancha de pesquisa e apoio "SKUA"

Raios abençoados de sol

Arrumei um jeito de jogar bola, mesmo na Antártica
ATV - útil meio de locomoção no ambiente rochoso!
De vez em quando um bloco de gelo se solta e parece uma explosão... sinais do aquecimento global???


Lago permanente de água doce que abastece a Estação



Aves da região

Soninho
Estação Uruguaia
Vai encarar?
Avião em rota de aproximação para "dropar" genêros
Estação Peruana











Paisagens de sonho

Barco do "velho e o mar ".....Hemingway!!!....Foi nisso que pensei qdo idealizei a foto...rsrs

Acredite nas cores!!
Habitante ilustre e onipresente
Discussão em família!!!
Imperador!! Ave Cesar!!
Under the rocks!!
Solidão gelada



Bendita água doce!!
Viu aquele filme "the thing"??
Todo time do verão - pesquisadores, equipe do trabalho de comunicações e rede, pessoal do Arsenal da Marinha que presta manutenção aos módulos, alguns do Ary...tem alguém triste?? Definitivamente, não!! Todos estão orgulhosos do trabalho realizado!!
Em cima de pé: Pedro Américo, Valdemar "the bear" e Freitas "Piu-Piu"
Em baixo, agachados: Santana, Leo (eu), Ribeirinho e Paulo

Saímos da missão engrandecidos profissionalmente, ricos em novas amizades, satisfeitos em conhecer o trabalho de vários pesquisadores de nosso país e extremamente honrados por termos feito parte de um projeto que serve de orgulho para uma nação!!

Obrigado!

Em breve, a nova Estação estará funcionando novamente! Sucesso ao novo time!!